BREVE CARACTERIZACÃO DO PERFIL DOS USUÁRIOS QUE ACESSAM O SERVIÇO DE PSICOLOGIA NO ESPAÇO DO HOSPITAL GERAL DA UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL

Autor(es): Cristiano de Oliveira Pereira
Orientador: Tania Maria Cemin
Quantidade de visulizações: 26

PERFIL DE USUÁRIOS QUE ACESSAM O SERVIÇO DE PSICOLOGIA DO HOSPITAL GERAL DA UCS
O Hospital Geral de Caxias do Sul, integra em sua organização uma equipe de Psicologia Clínica que atende de forma individual, familiar e grupal, abordando questões de saúde/doença do paciente e de seus familiares. Esta amostra é o resultado parcial de uma coleta de dados quali/quantitativa que está em desenvolvimento e trata da atuação desta equipe nos setores de UIO-Unidade de Internação Obstetríca, CO-Centro Obstétrico, Oncologia, PRAVIVIS-Programa de Atendimento às Vítimas de Violência Sexual, UTRS-Unidade de Terapia Renal Substitutiva, UTI–Unidade de Tratamento Intensivo e Pronto Socorro no ano de 2018. Foram apurados até o momento 402 pacientes que acessaram o serviço de psicologia do hospital. Na Unidade de Internação Obstétrica foram contabilizados 110 pacientes. Em sua maioria foram atendidas 69.1% de gestantes que possuíam ao menos um filho, solteiras (60.9%), católicas (52.7%) e estudantes (50%). Foram contabilizados 11 atendimentos pelo CO, sendo estas mulheres, com idades entre 17 e 45 anos, em sua maioria já tinham ao menos um filho (72.7%), naturais de outra cidade (63.7%), católicas (81.8%), Do Lar (54.5%), e negando histórico de comorbidades (54.5%). Atendidos no setor de Oncologia do hospital contabilizou-se 13 atendimentos, sendo 61,5% à homens, em sua maioria casados 61,5%, naturais de outras cidades (77%) e com o Ensino Fundamental Incompleto (61,5%), de cor branca (92,1%), e buscavam apoio para aceitação do diagnóstico (61.5%). No setor PRAVIVIS foram contabilizados 141 atendimentos, sendo 89.4% oferecidos a mulheres e 10.6% a homens, 60.1% efetuados a maiores de idade e em sua maioria de Caxias do Sul (92.1%). No setor de Psiquiatria se contabilizou 67 atendimentos, efetuados em sua maioria à mulheres (56,7%), sem filhos (94%) e menores (91%) que não possuem ensino fundamental completo (73.1%), brancas (79.1%), estudantes (91%), já diagnosticadas (97%) e com histórico clínico (68,7%) de transtornos psiquiátricos. Na UTRS, contabilizou-se 54 atendimentos, com maioria de pacientes do sexo masculino (59.3%), que possuem pelo menos 1 filho (99%), com idade média de 60 anos e brancos (79.6%). Há registrado 3 atendimentos ao setor da UTI, sendo dois deles realizados à homens e um a uma mulher, com média de idade dos atendidos de 59 anos. Há ainda registrado um atendimento realizado no Pronto Socorro do Hospital e dois atendimentos aos quais não se informa o setor que foi realizado. Os resultados prévios da pesquisa inferem sua importância.

Palavras-chave: Psicologia Hospitalar , SAÚDE COMUNITÁRIA, Perfil de pacientes