UMA FORMA CONSCIENTE DE EDIFICAR: MATERIAIS SUSTENTÁVEIS PARA GALPÕES DE TRIAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS

Autor(es): Marla Ecker da Silva , Eduarda Alves Oliveira de Almeida (co-autora) Terezinha de Oliveira Buchebuan (co-orientadora),
Orientador: Ademir José Zattera
Quantidade de visulizações: 38

UMA FORMA CONSCIENTE DE EDIFICAR: MATERIAIS SUSTENTÁVEIS PARA GALPÕES DE TRIAGEM
Este estudo surge a partir de pesquisas que vêm sendo desenvolvidas por estudantes de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Caxias do Sul, nos últimos anos através de uma Avaliação Pós-Ocupação - APO em dez galpões de triagem de resíduos sólidos em Caxias dos Sul, a fim de contribuir com estudos ligados ao layout produtivo desses espaços, bem como propostas de melhorias das condições do ambiente de trabalho. Desde 2020, também se insere na linha de pesquisa Sustentabilidade no Ambiente Construído que faz parte do Núcleo de Urbanismo, Design e Arquitetura Sustentável - NUDAS. Diante dos trabalhos desenvolvidos anteriormente, surgiram duas demandas distintas: uma pesquisa relacionada a materiais sustentáveis disponíveis no mercado da construção civil e o desenvolvimento de uma planilha orçamentária padrão para um galpão de triagem. O principal objetivo deste trabalho é realizar uma pesquisa sobre materiais sustentáveis, a fim de entender como podem ser aplicados em projetos arquitetônicos, principalmente com caráter semelhante aos galpões de triagem existentes em Caxias do Sul, bem como sua disponibilidade no mercado da construção civil e sua viabilidade de uso. Para isso realizou-se inicialmente uma análise bibliométrica, referente ao tema, nas bases de dados Scopus e Web of Science no período dos últimos 10 anos. Dessa forma, foi possível encontrar uma definição do que é aceito como material sustentável e então, elencar os materiais mais adequados para construir de forma consciente fugindo da chamada “maquiagem verde”, além de entender sobre a importância na tomada de decisões por parte dos arquitetos e urbanistas em seus projetos. O estudo também permitiu compreender porque países como o Brasil, têm mais dificuldade na implementação de construções sustentáveis comparado com países desenvolvidos. Como conclusão deste trabalho, no meio acadêmico pretende-se dar continuidade aos estudos voltados para questões de sustentabilidade no ambiente construído. Em um âmbito geral procura-se estimular o uso de materiais sustentáveis para a construção civil, bem como estratégias mais conscientes para edificar, visto que hoje, essa é uma das atividades que mais causam impacto perante as questões ambientais. Pretende-se ainda, através do compartilhamento dos dados com o poder público, atingir os trabalhadores dos galpões de triagem, a fim de que as obras, se realizadas, atendam as soluções de melhorias propostas a partir das pesquisas e levantamentos deste trabalho.

Palavras-chave: galpões de triagem, materiais sustentáveis, NUDAS